Dicas de look Tendências

Verde menta: evolua em 5 níveis para inserir o tom natural e futurista aos visuais

Do nível fácil ao expert, confira como inserir a cor aos looks de um jeito inteligente – e fashionista, é claro!

Reprodução/Pinterest

Desde 2016 quando a Pantone lançou o Rose Quartz e o Azul Serenity como as cores do ano, as tonalidades adocicadas e suaves ganharam uma conotação diferente: menos infantilizadas e romantizadas e representando a atmosfera das gerações que estavam por vir – no caso, acompanhando os comportamentos dos millennials, e agora, da geração z.

Combine com:

O verde menta foi eleito como a tonalidade de 2020, sugerindo um alinhamento entre a natureza e a tecnologia: o verde representa a organicidade da natureza, algo mais equilibrado, fresco e leve, enquanto a tonalidade mais clara inspira um toque futurista, moderno. E como algumas tendências tendem a demorar um pouco para serem aderidas e para entrarem em nosso inconsciente coletivo, em 2021 – e talvez em 2022 – a cor ainda será bastante vista tanto na moda quanto na decoração, design, etc, carregando cada vez mais, uma mensagem “normal” e que já foi integrada pela maioria.

Além disso, trilhamos um caminho cada dia mais agênero, e o verde menta tem essa pegada neutra e também transmite uma sensação de otimismo.

Leia também: As tendências da primavera/verão 2021.

COMO INSERIR O VERDE MENTA NOS LOOKS

Reprodução/Pinterest

Combine com:

Mesmo que o verde menta seja uma tonalidade adocicada, clara e que inspira leveza e suavidade, quando investimos em peças, calçados e acessórios mais sólidos, com um design e materiais mais imponentes, conseguimos quebrar a delicadeza sugerida pela cor. O interessante é justamente fazer esse contraponto entre peso e leveza, proporcionando aos visuais um toque fashion e cheio de informação de moda.

Confira agora 5 níveis para você ir evoluindo ao inserir o verde menta aos visuais:

NÍVEL INICIANTE – INVISTA NOS ACESSÓRIOS!

Reprodução/Pinterest

Combine com:

Se você acha que ainda não consegue usar uma peça de roupa no tom verde claro, fique tranquila, comece de um jeito mais fácil: com os acessórios verde menta! Sabe aquele look básico do dia a dia? Invista em um vestido branco com cinto de couro ou vinil na tonalidade neo mint e perceba o up que o item pode dar no visual!

Outra opção é investir numa bolsa, deixando a cor – e o acessório – se tornar o protagonista do composé. Até mesmo um lenço no cabelo, liso ou estampado, em tecidos acetinados ou apostar nas nails art verde menta, podem deixar a produção com outra cara!

Combine com:

Brincos grandes no tom verde também são um ótimo investimento para quem quer ousar de maneira ponderada, investindo no item como um ponto de cor para um look all black, por exemplo.

E por fim, mas não menos importante, que tal uma sandália, tênis ou mule na cor da vez? O interessante é investir em itens que tenham a cor sólida e que sejam monocromáticos, da parte de cima ao solado!

Leia também: As tendências de calçados e acessórios que vão reinar na moda verão 2021.

NÍVEL FÁCIL – VERDE MENTA NA PARTE DE CIMA!

Reprodução/Pinterest

Combine com:

Quer usar o verde menta nos visuais de forma casual e sutil, mas não sabe como? Aposte em partes de cima mais básicas. Comece por uma t-shirt verde ou muscle tee lisa ou estampada, por exemplo, para combinar com jeans nos looks mais casuais. Em looks de trabalho, que pedem por certa formalidade, invista em camisas de viscose ou de algodão na tonalidade.

Combine com:

Para dar um toque de elegância ao composé, com jeans ou com a parte de baixo de alfaiataria, seja calça, saia ou bermuda, que tal apostar em uma blusa verde com mangas bufantes e em tecido acetinado? Independente da proposta do look, ao inserir uma peça mais refinada, o resultado é uma produção mais alinhada e extremamente versátil: com um salto, ela fica mais formal, enquanto com tênis ou mules ganha um tom casual e despojado, sem deixar a elegância e o estilo de lado.

NÍVEL MÉDIO – PEÇAS ÚNICAS!

Reprodução/Pinterest

Combine com:

Usar um vestido ou macacão em uma cor que não estamos acostumadas pode ser realmente desafiador – um convite para expandir a zona de conforto – mas que tal fazer o teste e ver se você se adapta? Desde que a modelagem e a tonalidade sejam do seu agrado, vale a pena inserir um toque de cor diferente à cartela das roupas do closet.

Se você é mais básica, um vestido fluido em tecido leve com modelagem envelope pode ser uma ótima opção para os compromissos informais do dia a dia – seja ele curto, midi ou longo – para combinar com um tênis ou sandália rasteira. 

Combine com:

No caso das modernas, é interessante apostar em um macacão mais estruturado de sarja ou com uma pegada mais elegante e imponente de alfaiataria: os modelos tipo jardineira ficam ótimos com camisas bem elaboradas com mangas bufantes, gola alta e detalhes como babados, franzidos e pregas.

Os macacões com pegada utilitária: muitos bolsos, gola, martingale e modelagem mais ampla, também trazem à tona aquela questão de mesclar algo mais pesado, que é a essência da peça herdada do armário masculino e operário, com a cor que inspira leveza.

Leia também: Looks fashionistas com vestidos bufantes.

NÍVEL DIFÍCIL – ELABORAR UM COLOR BLOCKING!

Reprodução/Pinterest

Combine com:

Para que o resultado de um color blocking envolvendo o verde menta fique interessante, o ideal é investir em peças lisas, sóbrias e sólidas, inspirando uma estética mais moderna. Pode parecer difícil fazer combinações assim, mas basta se atentar a alguns detalhes, principalmente para a modelagem das peças escolhidas e um olhar mais analítico para as combinações do círculo cromático.

Que tal ousar com um moderno conjunto de alfaiataria verde menta, com modelagem arrojada e combiná-lo com uma camisa ou camiseta rosa na mesma tonalidade? Ou ainda, caso queira, invista em acessórios coloridos, como uma bolsa amarela e calçados verde menta: um tênis ou sandália de tirar o fôlego.

Combine com:

Outra combinação que rende diversas inspirações fashionistas é o mint + lavanda + azul serenity: o trio é delicado, mas quando inserimos peças lisas com texturas interessantes, como o tricô ou os tecidos acetinados, por exemplo, damos mais “interessância” ao look, inserindo informação de moda e obtemos um resultado incrível! Preferir por modelagens mais austeras como alfaiataria, partes de cima com ombros bem marcados e estruturados, silhuetas oversized e calçados mais robustos pode trazer um contraste entre leve e pesado que tira a monotonia das cores claras.

O rosa pink também faz uma ótima combinação com o verde menta, trazendo contraste ao visual. Que tal uma silhueta desconstruída com uma blusa oversized verde por cima de uma saia midi fluida no pink? Finalize com um tênis, um rabo de cavalo baixo e um arrojado óculos de sol.

NÍVEL EXPERT – COMBINAÇÃO MONOCROMÁTICA

Reprodução/Pinterest

Combine com:

Ok, produzir um look all black ou all white não é tarefa somente para quem é expert na moda, mas vamos combinar que não é qualquer uma que sai com um lookinho all mint green por aí, não é? Caso você seja do time das ousadas, aposte em uma calça de alfaiataria no tom + camiseta de malha + blazer.

Combine com:

Para um look moderno e mais despojado, vale a pena investir em uma silhueta mais desconstruída composta por pantalona ou pantacourt + camiseta ou camisa de modelagem ampla. Nos pés, tênis, sandálias flatforms ou de tiras e salto quadrado finalizam o visual junto a uma bolsa – verde, é claro; e que poderá ser incrivelmente bem aproveitada em outras propostas, com peças de outras cores.

ONDE ENCONTRAR ROUPAS, CALÇADOS E ACESSÓRIOS VERDE MENTA

Queremos saber: em qual nível você está, e para qual pretende evoluir?

Se você acha que o verde menta combina com você, seja num acessório, ou em um visual monocromático, faça escolhas inteligentes e conscientes com a ajuda do buscador do Paraíso Feminino: lá, você pode comparar modelagens, marcas, lojas e valores em poucos cliques de facilidade e ainda deixar o closet mais versátil e atemporal. Confira!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *